A pesquisa de palavras-chave é o primeiro passo para o seu planejamento de SEO. Isso porque é importante saber em quais disputas entrar e quais termos são mais importantes para seu site antes de começar a trabalhar a tática para posicionamento.

Um dos grandes erros ao se estruturar um site ou começar a produzir conteúdo para um blog é não pensar em SEO (Search Engine Optimization). Fazer uma pesquisa de palavras-chave é fundamental no planejamento.

Reproduzir vídeo
4.9
4.9/5

(1052 avaliações)

Use o SEO (Search Engine Optimization) para Otimizar seu Site e ganhar mais Vibilidade na Busca Orgânica. Curso de SEO 100% Gratuito e Online. Comece Já!

Por que fazer uma pesquisa de palavras-chave?

Não adianta nada para o seu negócio se você estiver bem ranqueado em uma palavra chave que nunca foi procurada por ninguém no Google. Você precisa ter a certeza de que o seu bom posicionamento está sendo visto por potenciais clientes.

Por isso, uma pesquisa de palavras chave envolve entender o comportamento de busca dos clientes através de métricas. Existem muitas formas de encontrar esses dados, como você pode ver na aula.

Como fazer pesquisa de palavras chaves

O primeiro passo é realizar uma lista  de ideias através de um brainstorm. Essa será a base a partir da qual você vai decidir as suas palavras chaves.

O próximo passo é ir para o Planejador de Palavras chave (Keyword Planner), uma ferramenta gratuita dentro do Google Ads. Lá, você encontra o volume de busca de cada uma das palavras, o que já ajuda a descartar algumas que não irão funcionar tão bem.

Além disso, o Keyword Planner também vai apresentar a concorrência, explicando em que patamar é indicado investir no anúncio para ter resultados. Esses valores e a dificuldade de concorrer pela palavra chave são mais um fator a ser estudado na hora de escolher quais serão usadas.

Depois disso, com uma análise mais aprofundada, é hora de montar uma planilha de palavras chave com as escolhidas.

Brainstorm

O ideal é começar com palavras chave mais genéricas e amplas. A partir dela, você precisa pensar em como as pessoas realizariam as buscas. Depois, as aplicações de planejamento do Google Ads poderão te ajudar a expandir a lista com algumas semelhantes e mais complementares.

Uma forma é começar a procurar por uma palavra específica como “pneus” no Google, e anotar o que está aparecendo no autocompletar da plataforma. Essas são algumas que o mecanismo de pesquisa já reconhece como regulares.

Na aula, ensinamos também a usar o SEMRush para escolher as palavras chave da lista.

Outras ferramentas interessantes para a decisão de palavras-chave:

Pesquisa Interna

Uma ferramenta interessante de se usar para escolha de palavras é ter uma caixa de pesquisa própria no seu site. O Google Ads permite que você monitore o que é procurado ali e o insight sobre possíveis palavras chaves costuma ser útil.

Se você quiser entender melhor o assunto, confira as nossas dicas na aula.

Outra ferramenta importante é o Google Trends, um centro de análise estatística do mecanismo de busca que ajuda a determinar as tendências de procura ao longo do tempo.

Além de ser 100% gratuito e disponível ao público, o Google Trends ainda ajuda muito em um planejamento de palavras chave. Você pode tentar verificar, por exemplo, quais palavras chave tendem a ser mais procuradas perto de determinadas datas e aproveitar para direcionar seu conteúdo para atingir as pessoas certas na hora certa.

O que levar em conta na pesquisa de palavras-chave

A seguir, vamos explicar alguns tópicos que você deve levar em conta ao escolher suas palavras-chave para trabalhar na estratégia de SEO. É importante ter em mente o quanto o seu marketing digital depende de boas escolhas nesta pesquisa para apresentar resultados.

O que vamos listar são “variáveis” que as palavras-chave podem ter. Ao realizar sua pesquisa, são esses elementos que devem influenciar suas decisões sobre como trabalhar o SEO.

Volume

O volume de pesquisa é um dos elementos mais importantes a serem trabalhados na pesquisa de palavras-chave. Afinal de contas, quanto mais buscas um termo tem, mais retorno ele dá para quem se posiciona na primeira página.

Entretanto, trabalhar apenas palavras-chave de alto volume não é garantia de sucesso. Pelo contrário, muitas vezes é necessário trabalhar também as chamadas “palavras-chave de cauda longa”.

Dificuldade

Dificuldade é o nome dado para dizer quão preciso terá de ser seu trabalho para conseguir um bom posicionamento. Quando você fizer sua pesquisa de palavras-chave, várias ferramentas apontam a dificuldade de se posicionar no termo.

Se o termo que você está pensando em disputar já tiver muitos resultados sólidos e que cumprem as expectativas de quem busca, existe uma dificuldade maior de “destroná-lo”s. É daí que vem a avaliação.

Oportunidade

Esse é um termo que usamos para apontar que o termo de pesquisa oferece mais do que apenas links. Mapas, menus, vídeos e outros tipos de resultado tiram a atenção do posicionamento. Quanto mais deles, menores as oportunidades do termo.

Intenção de compra

Não esqueça de pensar em que momento do funil de vendas o usuária está ao pesquisar algo. Por exemplo: ao pesquisar “dor de dente”, ele está no topo, mas se ele pesquisa por “extração de molar”, já está mais avançado, provavelmente na Consideração de Solução.

Cauda longa

O conceito de cauda longa não surgiu no SEO, mas é inegável a sua aplicação dentro da otimização de mecanismos de buscas.

A ideia é que existe uma relação entre o custo para atingir o público com uma palavra chave e a eficiência.

Por exemplo: se você focar em atingir pessoas que procuram a palavra “tênis”, o fluxo será grande, mas a intenção de compra é baixa.

“Tênis masculino”, por sua vez, pode ter menor fluxo de procura, mas uma intenção de compra maior.

“Tênis masculino Nike vermelho” com toda certeza terá uma procura ainda menor, mas uma intenção de compra bem maior e um retorno sobre o investimento melhor.

As palavras chaves específicas, com pouca concorrência e muito retorno são conhecidas como palavras-chave de cauda longa.

O próximo passo…

Agora que você já sabe como a pesquisa de palavras-chave funciona, é hora de pensar no SEO de forma mais estratégica. Para começar, que tal entender os termos por trás do SEO? Você pode entender o que significa On Page, Off Page e outras questões lendo nosso e-book SEO Descomplicado.

Ludy Amano

Fundador da Mirago, atuou como consultor de marketing digital por muitos anos. Formado em comunicação social pela ESPM, já ministrou aulas em instituições como BSP, Trevisan Escola de Negócios e Escola São Paulo. Atualmente se dedica a inovação na educação do mercado digital.