Links Permanentes (permalink): o que é e como configurar?

Acesse essa aula GRATUITAMENTE Já possui uma conta?
Nesta aula você irá entender a importância de configurar bem essa área de Links Permanentes, sobretudo em relação ao SEO (otimização do site nos mecanismos de busca).

Os links permanentes (ou permalinks em inglês) do WordPress definem como será a estrutura das URL’s em seu site. É uma configuração simples mas que pode causar muito impacto no SEO (otimização do site para o Google).

Aqui no Curso de WordPress Gratuito, vimos o quão importante é fazer todas as configurações do WordPress corretamente. De preferência, logo no início.

O que são links permanentes?

A configuração dos links permanentes vai definir como as URLs do seu site serão geradas. Por isso, fique atento a estes detalhes.

Por padrão, as URL’s do WordPress (versões mais atuais) apresentam essa estrutura:

https://seusite.com.br/2019/09/titulo-do-post

Repare que a estrutura consiste no dominio.com.br/ano/mes/slug-do-post.

As versões mais antigas podem apresentar estruturas piores:

https://seusite.com.br/?p=123

Dessa forma, seu site deve ter urls amigáveis para ter um melhor ranqueamento na busca orgânica do Google. Para isso é importante que a estrutura de URL’s do seu site apresente as seguintes características:

  • Contexto: muitos sites acabam apresentando URL’s complexas e não muito intuitivas. Por exemplo, você conseguiria dizer do que se trata o conteúdo deste link a seguir: https://exemplo.com.br/?p=83626&sid=98192887 ? Provavelmente não. Além disso, a URL deve ajudar o usuário a entender o contexto sem ao menos ter clicado nela.
  • Simplicidade: procure evitar estruturas muito complexas como https://exemplo.com.br/site/cursos/marketing/marketing-digital/curso-wordpress
  • Pontuação: não utilize espaços, acentuação ou junte palavras na url. A url https://exemplo.com.br/curso-wordpress e muito mais útil do que https://exemplo.com.br/cursowordpress. O WordPress por padrão já utiliza o hífen (-) no lugar dos espaços.

Como mudar o link permanente?

Por padrão o WordPress vem configurado com a estrutura Mês e Nome nos links permanentes.

ATENÇÃO: é possível mudar essa estrutura, mas tome muito cuidado. Caso seu site já esteja publicado e recebendo visitas, antes de seguir os passos a seguir, leia atentamente sobre redirecionamentos (mais abaixo).

Para alterar essa estrutura, siga os passos abaixo:

  1. Acesse o menu Configurações > Links Permanentes
  2. Altere para a opção Nome do post
  3. No fim da página, clique no botão Salvar alterações

Qual a configuração ideal para os links permanentes?

Configurações de Links Permanentes no WordPress
Opções de configuração para os links permanentes do WordPress

Não existe uma configuração ideal para todos os sites. Mas é importante entender em quais situações elas podem ser melhor utilizadas. Vamos entender cada uma delas.

  • Padrão: esse é o formato menos amigável para o Google. Geralmente não é recomendado utilizar essa estrutura em nenhuma ocasião, por isso a evitamos sempre que podemos.
  • Dia e nome: essa estrutura apresenta o ano, o mês e o dia da publicação na URL, além do nome da publicação. As estruturas baseadas em data podem ser interessantes caso você tenha um portal de notícias. Apresentar a data na URL pode dar uma rápida informação ao leitor do quão atual é aquela notícia. No entanto, se você não publica notícias, ter as datas nas URLs podem indicar que seu conteúdo é antigo, por exemplo.
  • Mês e nome: muito parecida com a anterior, mas não apresenta o dia, apenas o ano e o mês.
  • Numérica: esse formato utiliza o ID, número de identificação única para cada post, na URL. Ele é precedido por uma palavra fixa que você pode alterar ou até mesmo remover. Sendo assim, essa opção vai na linha na opção Padrão e também não costuma ser muito utilizada.
  • Nome do post: esse formato de URL apresenta uma URL bem simples, somente com o nome da página/post. Por isso, é o formato mais recomendado na maioria dos casos.
  • Estrutura personalizada: se você precisa de uma estrutura mais personalizada, você pode criar sua própria estrutura utilizando as tags disponíveis do WordPress.

URL da Base de Categorias e Tags

Ao publicar seus posts, você provavelmente deve fazer uso das categorias e tags do WordPress.

Muita gente não sabe, mas toda vez que você cria uma categoria ou uma tag , o WordPress automaticamente gera uma URL para ela. Essa URL exibe todas as postagens que foram marcadas naquela categoria/tag.

Por padrão a estrutura das URL’s das categorias e tags é assim:

https://exemplo.com.br/category/nome-da-categoria
https://exemplo.com.br/tag/nome-da-tag

O termo category é a base das URL’s de categoria e o termo tag, a base das URL’s de tag.

Ambos os termos podem ser substituídos por qualquer outra palavra. No exemplo abaixo, modifiquei a base tanto da categoria quanto da tag.

Configuração de links permanentes: base das categorias e tags

O exemplo acima reproduziria as seguintes URLs.

Para uma categoria chamada Futebol:

https://exemplo.com.br/noticias/futebol

Para uma tag chamada Corinthians:

https://exemplo.com.br/topico/corinthians

Redirecionamento de URL’s

Ao realizar qualquer tipo de alteração nas URL’s do seu site é muito importante que você pense nos redirecionamentos.

Imagine a seguinte situação: você criou um site há 1 ano e desde então vem publicando diversos conteúdos. Recentemente você descobriu que a estrutura de links permanentes do seu site atrapalha o seu SEO.

Então resolveu mudar. Mudou a configuração de links permanentes e a url que antes era https://exemplo.com.br/2019/09/titulo-post passou a ser https://exemplo.com.br/titulo-post.

Problemas com Erro 404

As URLs foram indexadas no Google no formato antigo. Ao encontrar e clicar nessas URLs antigas no Google, os visitantes vão cair em páginas de Erro 404.

Logo, todo o posicionamento que você havia conquistado no Google será perdido.

Para que isso não ocorra, é importante que a antiga URL automaticamente redirecione a pessoa para a nova URL, por meio de um redirecionamento 301.

Como fazer o redirecionamento 301 no WordPress?

Se você pretende mudar a estrutura de URLs do seu site, você pode instalar o plugin Redirection. Mas é importante que você faça isso antes de mudar a configuração das URLs.

Esse plugin vai automaticamente redirecionar suas URLs antigas paras novas versões por meio de um redirecionamento 301. Esse tipo de redirecionamento informa ao Google a URL foi alterada permanentemente para um novo endereço.

Conclusão

A configuração dos links permanentes é algo simples e rápido de se fazer. No entanto, a não configuração ou a falta dela podem prejudicar sua performance no SEO.

Lembre-se também de revisar todas as configurações do WordPress: Gerais, EscritaLeituraDiscussãoMídia e Privacidade.

Professor

Ludy Amano

Fundador da Mirago, atuou como consultor de marketing digital por muitos anos. Formado em comunicação social pela ESPM, já ministrou aulas em instituições como BSP, Trevisan Escola de Negócios e Escola São Paulo. Atualmente se dedica a inovação na educação do mercado digital.
O curso

Curso WordPress Básico – Gratuito e Online

Crie seu site com o poderoso WordPress. Aprenda a instalar, configurar e administrar seu site com todos os recursos nativos do WP. Curso 100% gratuito e online!
Dúvidas
Avatar
Vitória Cristina Sandri Rodrigues11 meses atrás

URLs com problema

Oi. Tudo bem? Primeiramente, tô gostando muito do curso! Ludy, tô com um problema. No site da empresa onde trabalho, nas configurações de link permanente as opções aparecem sempre tipo enderecodosite/blog/exemplo , sempre com esse /blog/ no meio. Isso só não aparece na opção Padrão. Sei que esse Blog é o nome de uma categoria, mas não sei por que isso aparece em todos os endereços do site e não consigo tirar. Você teria alguma ideia de como me ajudar?

Avatar
William Ramos3 anos atrás

Não consigo mudar meu link permanente

Não consigo alterar o link permanente estrutura personalizada, para de nome de post, sendo que quando faço esta alteração ao clicar no post da erro 404, sendo assim to utilizando a estrutura personalizada. O que posso fazer? Tive este problema mais seguir em frente assistindo sua aula gravada.
Gostei muito da sua dinâmica.

Envie sua dúvida

Exclusivo para Assinantes

Comece Gratuitamente

Crie sua conta Grátis e tenha acesso aos cursos ao vivo e muito mais.

Seja um Assinante

Tenha acesso ilimitado aos cursos, materiais, certificados e muito mais.

Já possui conta? Faça o login.