Usar listas de transmissão no WhatsApp é uma prática comum para quem usar este aplicativo de forma comercial. Entretanto, existem muitas questões que precisam ser levadas em conta na hora de criar uma lista.

Neste artigo, vamos explicar como criar a lista, como ela funciona e quais as diferenças entre ela e uma mensagem encaminhada. Além disso, vamos explicar quais usos você pode fazer desta ferramentas.

Vamos lá?

Curso de WhatsApp Marketing
4.8
4.8/5

(5 avaliações)

No Curso de WhatsApp Marketing você aprende a Gerar Mais Negócios usando o WhatsApp. Essa poderosa ferramenta vai te ajudar a se relacionar e vender mais!

Como criar e como funciona a lista de transmissão no WhatsApp?

A criação de uma lista de transmissão é muito simples: basta ir até o três pontinhos no topo superior direito do seu WhatsApp e selecionar “Nova Transmissão”. Cada uma delas permite a inclusão de até 256 contatos.

Entretanto, é preciso entender um pouco mais a fundo como funciona esta ferramenta do WhatsApp. Isso porque não serão todos os contatos que irão automaticamente receber as mensagens da lista.

Para receber uma mensagem enviada por uma lista de transmissão do WhatsApp, um contato precisa ter você adicionado no próprio celular. Caso ele não conte com seu número registrado, então a mensagem não é enviada.

O WhatsApp opta por trabalhar desta forma com as listas para evitar que elas sejam usadas como spam. Portanto, se você quiser fazer melhor uso das listas de transmissão, é preciso que faça sentido para seus contatos que eles te adicionem no próprio celular.

Qual a diferença em relação a encaminhar a mensagem?

Existe uma enorme diferença entre enviar mensagens por lista de transmissão e por encaminhamento. Para começar, o encaminhamento é limitado, permitindo no máximo cinco destinatários por vez. A transmissão, por sua vez, permite até 256.

Além disso, as mensagens enviadas por lista de transmissão são recebidas como uma mensagem direta e privada, como se você tivesse a enviado apenas para aquele contato. Enquanto isso, o encaminhamento é marcado como tal, mostrando que a mensagem foi redirecionada.

Uma prática que deve ser evitada é a de criar grupos de WhatsApp e enviar as mensagens para os contatos através deles. Isso porque, apesar desta prática permitir o envio de mensagens em massa para pessoas independente delas terem te registrado, esta prática pode ser denunciada como spam e pode sujar o nome do seu negócio.

Quando usar as listas de transmissão do WhatsApp?

As listas de transmissão precisam ser bem planejadas. Claro, falar sobre o produto é sempre interessante. Entretanto, se você quiser que seu número permaneça registrado como contato e com permissão de enviar mensagens desta forma para seus clientes, é preciso que eles vejam valor no que você envia.

Portanto, não use as listas de transmissão do WhatsApp apenas para falar dos seus produtos. Trabalhe também o envio de links para materiais ricos, postagens relevantes nas mídias sociais e dicas de como lidar com seus produtos.

Se você não tem ideia de quais assuntos abordar na hora de gerar conteúdo que seja atraente para os clientes, então tente fazer um Território de Marca do seu negócio.

O próximo passo…

Se você quiser fazer um bom uso das listas de transmissão do WhatsApp, então é importante saber organizar seus contatos. Afinal, você precisa saber quem incluir em cada lista para poder segmentar os clientes de forma mais eficiente.

Ludy Amano

Fundador da Mirago, atuou como consultor de marketing digital por muitos anos. Formado em comunicação social pela ESPM, já ministrou aulas em instituições como BSP, Trevisan Escola de Negócios e Escola São Paulo. Atualmente se dedica a inovação na educação do mercado digital.