Você já deve ter ouvido falar que o planejamento de mídias sociais é uma etapa muito importante para ter sucesso em sua estratégia de social media como um todo, certo? Então, para te trazer mais clareza sobre esse assunto, iremos trazer mais aprofundamento neste artigo. 

O planejamento de mídias sociais faz parte do processo de desenvolvimento de uma estratégia, sendo um dos primeiros passos para garantir que o seu público seja atingido de maneira assertiva e também que haja retorno do investimento no médio e longo prazo. 

Se você não executa esta etapa e pula diretamente para a execução das peças e postagens dos conteúdos, há grandes chances de você não ter o resultado que poderia. 

Continue lendo este artigo e descubra a importância do planejamento de mídias sociais e como colocar em prática na maneira correta. 

Reproduzir vídeo
4.6
4.6/5

(8 avaliações)

No Curso de Mídias Sociais Online da Mirago você vai entender como analisar, planejar, executar e monitorar estratégias de Social Media. Inscreva-se agora!

Qual a importância do planejamento de mídias sociais?

Realizar um planejamento de mídias sociais antes mesmo de pensar nos conteúdos que serão publicados é de extrema importância. Além de tornar o dia a dia mais prático, ele contribui para prevenção de possíveis erros ou equívocos no momento de fazer a publicação nas redes sociais. 

Mesmo com a diminuição do alcance orgânico pela maior parte das plataformas de mídias sociais ao longo dos últimos anos, ainda assim, tudo que publicamos tem um potencial de atingir muitas pessoas, seja de forma positiva ou negativa. 

Quando falamos em empresas, essa preocupação precisa ser ainda maior. Isso porque qualquer postagem mal planejada poderá arranhar a reputação das marcas, sejam elas de pequeno, médio ou grande porte. 

Por isso, é fundamental que você, principalmente se for um profissional de Social Media, ou simplesmente o dono do seu negócio, tenha em mente que o que você posta das mídias sociais exige responsabilidade.

E o primeiro passo para iniciar uma jornada satisfatória da empresa é criando um planejamento de mídias sociais. É ele que fará com que seus conteúdos sejam melhores, atinjam o público ideal e ajude a atingir os objetivos pretendidos.

Como fazer um planejamento de mídias sociais

Se você nunca ouviu falar no planejamento de mídia sociais, ele é dividido em cinco etapas que devem ser levadas em consideração antes de começar a criar e publicar os seus conteúdos. 

Mas, antes de mais nada, é importante entender o que significa de fato esse termo. Ele está relacionado com a forma de organizar as ideias e estratégias a serem implementadas, com o objetivo de trazer sucesso para sua estratégia, com base nas metas empresariais estabelecidas no início do projeto. 

Além disso, o planejamento de mídias sociais foi desenvolvido para que você, profissionais de Marketing ou donos de empresas, possam aproveitar o grande potencial das redes sociais de alcançar o seu público e tornar esse relacionamento mais próximo e assertivo. 

Sendo assim, agora, chegou o momento de conhecer as cinco etapas do planejamento de mídias sociais e entender as características e funcionamentos de cada uma delas. Veja a seguir:

  1. objetivos da empresa;
  2. estratégias a serem implementadas;
  3. táticas para execução das estratégias;
  4. implementação e acompanhamento de ações;
  5. aferição de resultados.

planejamento de mídias sociais

1.  Traçando os objetivos da empresa

O primeiro passo de qualquer tipo de planejamento é determinar os objetivos. Isso significa entender a posição em que algo se encontra e em que ponto é preciso chegar.

objetivos de midias sociais

Existem muitos objetivos que podem ser determinados dentro das mídias sociais. Alguns exemplos:

  • visibilidade – foco principalmente em tornar a marca ou produto mais conhecido;
  • engajamento – criação de uma aproximação entre marca e a audiência, com forte interação entre ambas;
  • fortalecimento de uma comunidade ao redor da marca – criação de uma base de fãs ou promotores que influenciam outros consumidores;
  • monitorar feedback dos consumidores – verificar como um produto ou serviço está sendo recebido pelo público através das mídias sociais;
  • converter seguidores em leads qualificados para vendas – atrair oportunidades para conversão e vendas partindo das mídias sociais.

Além desses objetivos existem muitos outros. Inclusive, não é obrigatório que você escolha apenas um deles no seu planejamento de mídias sociais, você poderá unir algumas delas e implementar no seu planejamento, a fim de trazer ainda mais resultados. 

O importante é ter em mente que cada objetivo precisa ser monitorado a partir de KPIs (Key Performance Indicator) ou Indicadores Chave de Performance,  sendo que para cada objetivo escolhido, serão necessários novos indicadores.

2. Implementando as estratégias

Muito se fala das estratégias de mídias sociais, mas o que elas realmente significam no processo nem sempre é fácil de entender.

Uma estratégia é uma forma de alcançar os resultados de um objetivo. Para explicar de maneira mais simples, que tal usarmos um exemplo da própria Mirago?

Para o nosso segmento (educação) é muito importante que o público entenda que todos os ensinamentos serão passados por quem realmente entende do assunto. Por isso, um dos nossos objetivos nas mídias sociais é a geração de autoridade.

Para gerar essa autoridade, seguimos duas estratégias, ambas relacionadas a conteúdo. A primeira delas é o uso de depoimentos de alunos, que mostram os resultados que proporcionamos. Veja abaixo o exemplo do nosso curso de e-commerce.

Além disso, procuramos estar sempre produzindo conteúdo de grande valor para demonstrar conhecimento. Nosso Instagram é um dos meios de comunicação dessa estratégia, com várias postagens em vídeos e imagens que ajudam a tirar dúvidas sobre marketing digital. O nosso canal no Youtube é uma outra plataforma muito utilizada na criação de novos conteúdos. Confira no exemplo do Instagram. A produção deste vídeo, entretanto, não se enquadra como estratégia, mas como tática.

https://www.instagram.com/p/B1KPskInYgh/

Sendo assim, estratégia é a decisão de como você vai se movimentar para alcançar os objetivos. Isso não significa pensar nas ações em si, mas apenas pensar nos conceitos por trás da decisão de chegar até esse objetivo. Isso pode ser muito simples à primeira vista, mas lembre-se: sempre planeje as estratégias com antecedência!

3. Táticas para executar as estratégias definidas

As táticas são as ações que, dentro das estratégias, movem suas mídias sociais para alcançar os objetivos. A ideia aqui é criar ações que funcionem pensando nas KPIs determinadas.

Dentro do planejamento de mídias sociais é importante ficar atento aos detalhes da parte tática. Entre eles estão:

  • investimentos;
  • infraestrutura;
  • profissionais;
  • ferramentas;
  • entre outros.

O pensamento tático passa pela determinação dos horários e frequência de postagem, pela ideia do que postar e outras questões de detalhamento da ação. Para ter resultados, isso deve ser feito sempre com os objetivos iniciais em mente.

Pense nos KPIs e nas estratégias traçadas para alcançar os objetivos. Pesquise o que mostra mudanças nas métricas, que são pontos chave e dê o pontapé inicial.

É importante também sempre ter em mente a missão, visão e valores da empresa, além da cultura organizacional e a personalidade da sua marca.  Isso porque as ações não devem “feitas só por fazer”, pensando apenas no que está em alta: esta prática não trará resultados sustentáveis, pois você não estará transmitindo o que a sua empresa verdadeiramente representa (sua essência).

4. Implementação e acompanhamento dos resultados

A implementação de um planejamento de mídias sociais também é fundamental e precisa ser pensado em todos os detalhes. No entanto,  nem sempre basta o que foi pensado originalmente para alcançar os objetivos, ou seja, pode acontecer de ocorrerem mudanças nas estratégias e táticas, além de imprevistos que podem impactar nos resultados. 

Diante disso, se você implementar o que foi pensado às cegas e algo não funcionar, vai gastar todo o valor do orçamento, para ter zero retorno. Agora, quando você monitora as ações, pode corrigir os erros e falhas no meio caminho.

Sendo assim, não pense que o seu planejamento vai resolver todas as questões. Isso porque existem variáveis imprevisíveis. Quando as coisas derem errado, é melhor estar preparado, ou seja, enquanto estiver acompanhando os resultados, essa preparação é ainda mais importante, pois as métricas são uma maneira visual de entender o que está dando errado e o que não está. 

5. Resultados do planejamento de mídias sociais

Quando a implementação do plano termina (num determinado ciclo ou período de tempo), começa um outro trabalho: verificar os resultados. Isso significa avaliar o que deu certo, o que não deu, o que será preciso mudar.

Este é um momento de aprendizado sobre o que foi feito. Se você passar pelo processo todo e recomeçar sem aprender nada, vai ter os mesmos resultados.

Agora, quando você avalia os números e procura as justificativas de cada um deles, fica mais fácil acertar na próxima. Para isso, basta repetir o que deu certo, mudar o que não deu e seguir em frente.

Para isso, é essencial avaliar as métricas disponíveis nas mídias sociais, que são extremamente importantes para trazer uma visão mais aprofundada dos resultados. 

Entre as métricas das mídias sociais que você poderá acompanhar estão:

  • alcance: número total de usuários que visualizaram as suas publicações;
  • impressões: quantidade de vezes que um mesmo post foi visto pelos usuários;
  • engajamento: o quanto o seu público está interagindo com a sua marca, ou seja, curtidas, compartilhamentos, respostas de stories, salvar, direct messages, entre outros;
  • cliques do link na bio: número de usuários que acessaram seu link na bio;
  • atividades dos seguidores: mostra o tempo médio que os seguidores passam no Instagram, os horários mais acessados e os dias da semana que estão mais ativos;
  • visualizações de vídeos: quantas vezes o seu vídeo foi visto pelos usuários;
  • posts salvos: mostra o número de usuários que salvaram uma determinada publicação;
  • dados demográficos: faixa etária, gênero e localização. 

Estar de olho nessas métricas periodicamente, podendo ser semanalmente ou mensalmente, é fundamental para saber quais são os pontos de melhorias e quais ações estão dando certo para incluir em próximas campanhas. 

Vantagens do planejamento de mídias sociais

Agora que você já sabe como elaborar um planejamento de mídias sociais de sucesso e a sua importância para trazer resultados significativos para suas campanhas, chegou o momento de conhecer as principais vantagens de tornar essa prática um novo hábito na sua empresa. 

Que ela é muito importante, todos nós já sabemos, mas quais serão as vantagens do planejamento de mídias sociais, além desses detalhes que já vimos ao longo deste artigo? Vamos conferir:

Conteúdos de qualidade, produzidos de acordo com a sua persona

A primeira vantagem do planejamento de mídias sociais, é a possibilidade de criar conteúdos de alta qualidade, pensados diretamente na persona do projeto. Isso porque o planejamento de mídias sociais, contribui para o desenvolvimento mais assertivo das postagens, com foco no seu público de interesse, através de táticas criadas para atingir diretamente essas pessoas. 

Pensar em conteúdos com base nos hábitos de compras e informações demográficas do seu público, é uma maneira mais eficiente de impactá-los a fim de aumentar as chances de conversões ou ter maior engajamento nas redes sociais.

Sendo assim, todas essas possibilidades só são possíveis por conta do planejamento de mídias sociais, se elaborado da maneira correta, seguindo o passo a passo acima. 

Consistência nas publicações

A constância de publicações também é uma das principais vantagens do planejamento de mídias sociais. Com ela, é possível construir um calendário de publicações e ter mais organização em meio a tantos conteúdos a serem publicados. 

Inclusive, não ter essa constância poderá manchar a imagem da sua marca, transmitindo uma sensação de empresa que não tem responsabilidade e seriedade com datas, principalmente em épocas sazonais. 

Por isso, o planejamento de mídias sociais contribui para tornar o seu dia a dia mais prático e uma rotina menos corrida, já que no momento de planejar os conteúdos, datas e horários, você já estará prevendo possíveis falhas, evitando que as postagens sejam feitas com atrasos. 

Aumento do engajamento do público

Por meio de conteúdos de alta qualidade, pensados na persona e a constância das publicações, você terá o aumento do engajamento com o público. Claro, nem sempre isso será um fato, mas na maioria das vezes, é esse o resultado que um planejamento de mídias sociais de sucesso terá!

O aumento do engajamento do seu público é um dos objetivos que as empresas mais sonham em alcançar. É por meio dessa comunicação com os possíveis clientes que você terá um relacionamento duradouro, proximidade e participação na vida dessas pessoas. 

Com isso, você também aumentará as chances de conversão, terá mais possibilidades de fidelização com esse público e criar uma divulgação espontânea, onde as pessoas irão falar e defender a sua marca por onde passar. 

Ganho de visibilidade

Outra grande vantagem do planejamento de mídias sociais é a possibilidade de ter um ganho expressivo de visibilidade. 

Esse é um aspecto de extrema importância para todos os segmentos, principalmente para donos de empresas que lutam para tornar o seu negócio conhecido e ter um bom posicionamento de mercado. 

Diante disso, se você necessita ter mais visibilidade e um reconhecimento do seu público, elaborar um planejamento de mídias sociais poderá ser a solução ideal para este problema. 

Por meio desse planejamento, você poderá criar uma estratégia estruturada, fazendo com que todos os processos funcionem de maneira correta, a fim de entregar conteúdos de alta qualidade para o seu público. 

Com isso, você poderá ampliar o alcance do seu negócio, podendo também aumentar as  chances de captação de novos clientes e a criação de um relacionamento duradouro. 

Torna sua empresa mais acessível

Outro ponto bastante vantajoso do planejamento de mídia, é a capacidade de tornar a sua empresa mais acessível ao seu público. 

Conforme dito anteriormente, ter as suas redes sociais, como Facebook e Instagram, principalmente, em ordem, com postagens regularmente e entregando conteúdos relevantes para esse público, para eles, a sensação será de maior proximidade, ou seja, uma empresa mais acessível. O mesmo vale para outras mídias sociais, tudo depende de seu contexto de negócios.

Além disso, existe uma mudança de comportamento e mentalidade por parte das empresas, que não se importavam com a opinião do consumidor e hoje tem no cliente uma peça fundamental nas tomadas de decisão da marca.

Estar disponível nas redes sociais gera interesse do público, que vê na sua empresa uma empresa aberta a novidades e que sabe reconhecer os erros. E essa é uma das principais vantagens das redes sociais na estratégia de marketing digital.

Utiliza o orçamento de maneira mais assertiva

Quem aí não se preocupa com o retorno do investimento para investir em campanhas de Marketing? Seja você dono de empresa ou profissional da área, essa é uma preocupação que surgirá em qualquer estratégia de marketing digital.

No entanto, se você possui um planejamento de mídias sociais, esse orçamento será utilizado de maneira mais assertiva, onde todos os gastos serão divididos para canais de comunicação, dependendo dos objetivos e das necessidades, atendendo a todas as demandas com maior probabilidade de sucesso. 

Além disso, com o planejamento de mídias sociais, é possível ter uma visão mais aprofundada dos custos e quanto será preciso investir caso aconteça algo inesperado. Sendo assim, você evita ao máximo gastar mais do que o esperado. 

Possibilidade de alterações no planejamento

Para finalizar, outra grande vantagem do planejamento de mídias sociais é a possibilidade de alterações durante o processo, ou seja, ele não é estático. Então, se você percebeu durante as produções que esse não é o melhor caminho a ser seguido, você poderá mudar. 

No entanto, é importante ter em mente que, para fazer essas alterações, é fundamental que você analise todos os fatores, pensando se essa mudança será realmente necessária. Isso porque realizar alterações durante uma campanha, por exemplo, poderá impactar os resultados, se não forem feitas a partir de análises de dados. Por isso, as métricas são tão importantes em ações de mídias sociais. 

Sendo assim, se você precisar mudar algumas táticas e estratégias que não estiverem dando certo, com um planejamento de mídia estruturado, essas alterações poderão ser feitas, a fim de garantir uma correção de rota saudável com o objetivo de buscar êxito nas estratégias futuras. 

Conclusão

Em todo esse artigo, foi possível perceber o quanto as mídias sociais podem te ajudar em todas as etapas da jornada de compra, fazendo com que o seu público tenha mais interesse pelo seu conteúdo e o que a marca tem para te oferecer. 

Por isso, é fundamental o planejamento, além de entender como as redes sociais vão te ajudar em cada uma das etapas e como medir o desempenho para cada objetivo. Com isso, há mais chances de obter resultados significativos para sua campanha. 

Quer saber mais sobre esse assunto e criar uma campanha de mídias sociais de sucesso? Assista ao vídeo!

Fernando Souza

Consultor e Professor de Marketing Digital, Comunicação e Redes Sociais. Publicitário, Palestrante, Empreteco e Co-Fundador do blog TwitBrasil, atua no mercado digital há mais de 10 anos. Já desenvolveu projetos para: Ticket Edenred, Aprendiz, Fundação Telefônica, Big X Picanha, Julio Okubo, Petronas, Alpargatas, Corinthians, Abril, HSM, Microsoft, entre outras. Ministrou aulas, palestras e workshops para: Abbott, PUC-SP, FEA-USP, FIA, FMU, USCS, Trevisan, Sincor, FACESM, SPDS, Escola São Paulo, Faculdade Rio Branco, Anhembi Morumbi, Business School São Paulo, ESALQ-USP, etc.