A Interatividade entre o consumidor e seu produto é um novo horizonte no Marketing. Há alguns anos atrás sem estes recursos tecnológicos, o consumidor apenas poderia ver um anúncio em revistas, outdoors, jornais onde a divulgação limitava-se a aquela informação exposta. Hoje a tendência caminha para outra realidade: o consumidor quer também transmitir sua informação para os anunciantes e com essa troca de informação temos uma ampla rede de relacionamentos entre empresas e consumidores (B2C) e empresas e empresas (B2B).

Por esta tecnologia ser muito recente, algumas empresas ainda enxergam o Marketing Digital como mídia alternativa. Porém a tendência é que ele se  torne cada vez mais completo e uma ferramenta indispensável na comunicação entre empresas e consumidores.

No entanto, para que o Marketing Digital traga resultados realmente significativos para os negócios ele precisa ser utilizado de maneira estratégica.

Uma pesquisa feita pela empresa Norte-Americana WebMarketing 123 para desenhar o atual momento do Marketing Digital nos Estados Unidos mostrou também uma realidade bem parecida com o que vemos hoje no Brasil.

As estratégias utilizadas pelas empresas B2B são diferentes das utilizadas pelas que trabalham diretamente com clientes. No infográfico acima, as empresas B2B trabalham, em sua maioria, com o principal objetivo de gerar leads qualificados,enquanto as empresas B2C utilizam o marketing digital para fortalecer sua marca com ações de branding.

Da mesma forma, as mídias sociais também são trabalhadas com estratégias diferenciadas para esses dois públicos. Enquanto as empresas que atingem o consumidor final encontram um ROI muito mais positivo no Facebook e no Twitter, as  companhias B2B vêm esse resultado ao investir em redes como o Linkedin.

Por isso, com tantas ferramentas disponíveis e muitas novas surgindo a cada dia, cabe aos profissionais de marketing identificar onde está o público alvo e decidir a melhor maneira de investir.