Você está convencido de que o seu talento de escrita e habilidades impecável vai fazer o seu blog deslanchar? Você acha que incluir tópicos em seus textos e imagens impressionantes em seu blog é o suficiente para tornar seu conteúdo compartilhável e alcançar um grande público? Tudo isso pode ir por água abaixo se você não prestar atenção em alguns detalhes importantes no SEO para WordPress.

Ignorar o XML Sitemap

Não usar um mapa do site significa que algumas das páginas do seu site podem permanecer desconhecidas. As feições de mapa do site permitem que você, aponte quantas vezes você atualiza suas páginas. Isso funciona bem para relativamente novos sites e aqueles com muito poucos backlinks apontando para eles. Construir e atualizar um mapa do site é rápido e automatizado. A opção mais comum é o plugin Google XML Sitemaps.

Ignorar categorias e tags

Categorias e tags têm o papel de aumentar o envolvimento e o tráfego. O uso errado delas faz o seu site WordPress menos amigável para a usabilidade. A causa é que, basicamente, uma categoria de site funciona como uma tabela de conteúdo e tags são o índice do site. Elas também dão uma boa impressão das palavras-chave que são importantes para o seu site.

Leia também: Criando sites otimizados com o WordPress

Ignorar a URL canônica

Em vez de esperar o Google determinar qual versão da sua pá4gina se destina a indexar e classificar, você pode lidar com esse problema definindo uma URL canônica. É um processo simples que requer três etapas: dizendo ao WordPress qual URL representa o seu site, definindo a URL como você quer que apareça nas opções do Google Search Console. Use o WordPress Yoast SEO para definir cada URL canônica do seu site.

Ignorar as características de CTR dos seus posts

Você pode otimizar o último conteúdo facilmente usando um plugin como adicionar meta tags ou o conhecido WordPress Yoast SEO. Esses plugins lhe dão um controle do conteúdo que aparece na página de resultados. É tudo sobre os títulos e a descrição de sua página. Criar um título personalizado vai melhorar o que será exibido nas SERPs. Além disso, fazer a sua descrição mais do que uma combinação aleatória de frases levará a uma taxa de clique melhor.

Quer saber mais sobre como trabalhar o seu WordPress da melhor forma? Conheça o curso online de WordPress da Mirago.