Com cada vez mais funcionários usando a mídia social no local de trabalho, as empresas estão lutando para criar políticas e estratégias que permitem que os funcionários usem seus canais de comunicação e ao mesmo tempo protejam a reputação da empresa na mídia social. Porém, o grande problema é que o uso da mídia social no local de trabalho nem sempre resulta no engajamento social.

Claramente, a mídia social é uma ferramenta poderosa para compartilhar informações e construir redes pessoais. Mas, em muitos casos, as pessoas usam a mídia social da empresa sem qualquer contexto ou relevância. Nesse sentido, a mídia social é uma bênção e uma maldição. É claro que a adoção da mídia social é inevitável, por isso as empresas têm de encontrar o equilíbrio adequado na forma como elas criam uma cultura de trabalho que utiliza adequadamente a mídia social.

Quem toma conta da mídia social da sua empresa?

O uso de mídias sociais e ferramentas de colaboração não pode ter sucesso a menos que a cultura geral de uma empresa abrace o esforço, mesmo se você tenha um ou dois profissionais responsáveis pelos canais. Todos precisam sentir que suas participações importam, e eles precisam saber que a empresa valoriza suas contribuições e ideias.

Esta dinâmica reorienta radicalmente o relacionamento entre empresas e seus clientes, dando aos clientes uma nova e poderosa forma de controle. Neste clima de negócio em mudança que vivemos atualmente, as empresas que constroem programas de mídia social eficazes podem desfrutar de uma clara vantagem competitiva, tanto em termos de envolvimento dos funcionários internos quanto em satisfação do cliente externo.

E você, tem uma equipe dedicada e preocupada com a mídia social da sua empresa?